Header Ads

Cartaxo impõe condição para dialogar com PDT dos Feliciano



Durante a entrega de 249 certificados a concluintes de cursos dos Centros de Referência da Cidadania, no bairro de Água Fria, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), comentou a atual conjuntura política e as possíveis alianças a serem formadas pelo seu partido, que tem como pré-candidato ao Governo do Estado o seu irmão, Lucélio Cartaxo. O gestor da Capital estabeleceu condição para dialogar com o PDT sobre uma futura aliança.

 Cartaxo acrescentou que a legenda segue dialogando com outras siglas e que existe sim a hipótese de registrar sua esposa, Maísa Cartaxo, na suplência de Cássio Cunha Lima.Questionado sobre uma parceria com o PDT, de Damião Feiliciano, Luciano Cartaxo argumentou que só se une ao partido se a pré-candidatura de Lígia Feliciano for retirada. “O PDT é um partido que tem uma pré-candidatura que vem do Estado. A partir do momento que o PDT, se isso acontecer, resolver retirar a candidatura de Lígia, aí nós podemos estabelecer um diálogo aberto, de coração para coração, mas enquanto o PDT tiver essa candidatura nós vamos apenas respeitar, porque essa é uma autonomia fundamental para os partidos”, declarou.

Nenhum comentário