Header Ads

Operação VICARIUS prende suspeito pelo assassinato do Suplente de Vereador Anderson MARAVILHA

Após 4 meses de investigações a Equipe da Homicídios / Policia Cível - Campina Grande/PB, por sua Delegada Ellen Maria,  finalizou na manhã de hoje a operação VICARIUS . Prendendo suspeito da morte de  Anderson MARAVILHA - suplente de Vereador / CMCG-PB) e na mesma ação prende outro suspeito de assassinato em Equador/RN.


Ellen Maria Delegada da Policia Civil / PB:
OPERAÇÃO VICARIUS
Foto: Reprodução/ TV Itararé

"A Polícia Civil, através da Delegacia de Crimes contra a Pessoa de Campina Grande (Homicídios/CG) finalizou na data de hoje a OPERAÇÃO VICARIUS, a qual culminou na prisão de EVERTON RODRIGO SILVA SANTOS, conhecido por TÊTA, o qual é apontado como sendo o possível autor do homicídio do suplente de vereador WELISSON ANDERSON PEREIRA FRANÇA, ocorrido no dia 10/04/18, no bairro de Santa Rosa.

Foram cumpridos na ocasião três mandados de prisão contra o TETA, por delitos de TRÁFICO e HOMICÍDIO. Na ocasião da  referida prisão também foi cumprido mandado de prisão contra DAMIÃO JUSTINO DOS SANTOS (30 anos), o qual é foragido do Rio Grande do Norte por ter cometido possível crime de HOMICÍDIO na cidade de Equador/RN, tendo sido cumprido mandado de prisão em seu desfavor."

Policia Civl/Homicidios/CG/PB - Suspeito "TETA"

                      ------------------------------------------------------------------------------

Anderson "MARAVILHA", tinha 31 anos, e deixou viúva , a formanda em Administração PRISCILA SOARES e uma filha, que na época do crime tinha apenas 8 meses. Lyz Soares "MARAVILHA", fez 01 ano de idade recentemente.

Última foto postada nas redes sociais , poucos dias antes do assassinato. Foto: Airton Figueirêdo


Visita do Suplente Anderson Maravilha a CMCG
- Foto Airton Figueirêdo



O crime brutal teve grande repercussão em todo o Estado da Paraíba , chegando até a clamor por justiça a nível nacional. O bairro de Santa Rosa,  campina grande e  toda a Paraíba pediram e pede "Justiça para Maravilha", diante desse crime bárbaro, a uma pessoa que "NÃO TINHA INIMIGOS", conforme relatou, desde o inicio das investigações, a viúva Priscila "Maravilha". As investigações ainda não terminaram, e segundo a delegada todas as linhas de investigação ainda não foram descartadas . A sociedade aguarda termino do inquérito e #JustiçaPraMaravilha .








Saiba tudo sobre o caso no link do G1/PB:

A redação

Nenhum comentário