Header Ads

10/09/18 Resumo das Eleições pelo "O Estadão de S.Paulo : Nova pesquisa Ibope e quadro clínico de Bolsonaro"


Resumo das Eleições 2018: Nova pesquisa Ibope e quadro clínico de Bolsonaro

Candidato do PSL passará por outra cirurgia, enquanto a PF segue investigando os culpados; STF deve definir candidatura de Lula ainda hoje; veja os destaques desta segunda-feira

O Estado de S.Paulo 10 Setembro 2018 | 19h09


De segunda a sexta, o Estado publicará resumos com as principais notícias sobre as campanhas e o dia dos candidatos nas eleições 2018.
Confira abaixo os destaques desta segunda-feira, 10:
Em São Paulo, Bolsonaro mantém patamar de votos após ataque
Ao menos em São Paulo, o ataque ao candidato Jair Bolsonaro (PSL) não o beneficiou eleitoralmente. Pesquisa Ibope/Estado/TV Globo realizada apenas com eleitores paulistas indica que o deputado e capitão da reserva tem 23% das intenções de voto nas eleições 2018, uma oscilação de apenas um ponto porcentual para cima desde o dia 20 de agosto, data da divulgação do levantamento anterior do Ibope. Veja todos os números aqui.
Manifestantes em São Paulo carregam boneco que simboliza o presidenciável Foto: Tiago Queiroz/Estadão
Candidatos evitam ataques e defendem "pacificação" durante debate
Os candidatos à Presidência da República levaram para o debate TV Gazeta/Estado/Rádio Jovem Pan/Twitter, realizado na noite deste domingo, 9, em São Paulo, a mensagem de repúdio à violência que dominou a campanha nos últimos dias após o atentado contra Jair Bolsonaro (PSL). Internado após ser esfaqueado durante uma agenda eleitoral na quinta-feira passada, em Juiz de Fora (MG), o presidenciável do PSL não participou. No primeiro encontro após o episódio, o radicalismo na política foi tratado como um entrave ao desenvolvimento do País. Em suas participações iniciais, Geraldo Alckmin (PSDB)Marina Silva (Rede) e Henrique Meirelles (MDB) defenderam a necessidade de se pacificar o ambiente público e a sociedade. 

Debate entre os candidatos à Presidência da Republica, realizado nos estudios da TV Gazeta, em parceria com o Estado e a Rádio Jovem Pan. Foto: Gabriela Biló
Bolsonaro segue em estado grave e precisará de nova cirurgia, dizem médicos
Hospital Albert Einstein divulgou na manhã desta segunda-feira, 10, novo boletim médico sobre o estado de saúde do candidato do PSL à Presidência nas eleições 2018Jair Bolsonaro, vítima de um ataque com uma faca no dia 6, enquanto fazia campanha em Juiz de Fora, Minas Gerais. O deputado precisará de uma nova cirurgia de "grande porte" para reconstituir o trânsito de partes do intestino, afetadas pela facada. Seu estado ainda é grave e ele permanece na Unidade Terapia Intensiva (UTI). Segundo médicos, é comum a necessidade de nova cirurgia para refazer o trânsito intestinal após a colostomia, processo que encaminha fezes do intestino para uma bolsa fora do corpo.  

Jair Bolsonaro no Hospital Albert Einstein. Quadro clínico do candidato é estável  Foto: Flavio Bolsonaro/Twitter
Defesa de Lula protocola pedido para prorrogação de prazo de candidatura
A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) entrou com uma série de pedidos ao longo dos últimos dias para viabilizar a candidatura do petista ao Palácio do Planalto nas eleições 2018. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determinou que até esta terça-feira (11) o PT faça a substituição de Lula da cabeça da chapa, mas os defensores do ex-presidente tentam ganhar tempo e buscam suspender esse prazo no STF até que um recurso extraordinário – contra a decisão do TSE – seja analisado pela Suprema Corte.  Foi protocolada na madrugada desta segunda-feira (11) uma petição na qual pede que seja suspenso temporariamente o prazo para a substituição de Lula na chapa presidencial do PT, marcado para acabar nesta terça-feira, conforme determinado pelo TSE. Esse outro pedido será examinado por Celso de Mello. O PT pede ao STF que o prazo de substituição seja suspenso até que o recurso extraordinário de Lula seja apreciado pelo colegiado do Supremo – pelo plenário ou pela Segunda Turma -, respeitando o marco legal de 17 de setembro (data-limite fixada no calendário eleitoral para substituição de candidatos).

A lógica da decisão foi a de garantir que Lula não tivesse seus direitos violados antes de uma decisão final sobre seu caso, numa última instância. Foto: Douglas Magno/AFP
PF rastreia dados financeiros de esfaqueador de Bolsonaro
Polícia Federal informou nesta segunda, 10, que está analisando ‘dados financeiros’ de Adélio Bispo Oliveira, 40 anos, esfaqueador do candidato à Presidência, nas eleições 2018Jair Bolsonaro (PSL). O rastreamento faz parte de uma série de diligências da PF para ‘identificar todas as possíveis conexões e motivações do crime’. Bispo foi autuado em flagrante indiciado com base no artigo 20 da Lei de Segurança Nacional. Se processado e condenado pode pegar até 20 anos de prisão.
CADEIRAS SÃO PAULO 11.07.2014 ESTADO ESPORTES/ COPA 2014/ O ultimo jogo da copa 2014 no estádio do Itaquerão entre Holanda e Argentina, deixou um rastro de destruição, várias cadeiras foram destruídas pelos torcedores. A empresa responsável pelas estruturas ainda contabiliza o prejuízo. FOTO JOSE PATRICIO/ESTADÃO Foto: José Patrício/Estadão
Paulo Skaf e João Doria estão empatados em São Paulo, diz Ibope
Os candidatos ao governo do Estado de São Paulo João Doria (PSDB) e Paulo Skaf (MDB)estão tecnicamente empatados em primeiro lugar, diz a mais recente pesquisa Ibope/Estado/TV Globo, divulgada nesta segunda-feira, 10. Skaf aparece com 22% e Doria, com 21%. A margem de erro é de três pontos porcentuais. Em relação à última pesquisa Ibope, divulgada em 20 de agosto, Skaf foi o que mais subiu, com quatro pontos a mais. Já Doria oscilou positivamente em um ponto. Veja a pesquisa completa aqui.
Ibope aponta Doria (esq.) e Skaf (dir.) empatados Foto: Nilton Fukuda/Estadão



Nenhum comentário